The Raid II [2014]

fansart_the_raid_2___berandal_by_murdockh-d7d4472

Fazer melhor que o primeiro filme? Difícil mas não impossível. Esticar ao máximo as lutas? Possível mas por vezes excessivo. História suficiente para 2 horas e meia? Que história? Nós queremos é ver porrada!

The Raid 2 entra no lote restrito das sequelas que conseguem manter o nível do primeiro, assim que sair o blu-ray do 2 filme, lá estarei eu sentado no sofá a fazer uma maratona do primeiro ao segundo, no final levanto-me e começo a porrada as almofadas. Porque The Raid tem a capacidade de “soltar” o karateca que existe dentro de todos nós.

Agora vamos aguardar pelo 3 filme, rumores mostram que Tony Jaa pode entrar no filme. Tony Jaa teve a capacidade de colocar os filmes de artes marciais novamente na “moda” por isso se o rumor se confirmar, espero algo explosivo. E o ditado “não há duas sem três” finalmente vai ter sentido.

The Man From Hong Kong [1975]

263bfb27ac8c2127cc68832ae3f

Filmes de artes marciais são um tipo de filme que raramente vejo, nos tempos de infância os meus actions heroes como Bruce Lee, Van Damme ou mesmo o mítico Chuck Norris faziam parte do meu cardápio normal numa tarde de cinema, fui perdendo esse gosto ao longo dos anos. Mas como ultimamente estou mais aberto a todo o tipo de cinema voltei a ver um filme de porrada pura e dura. E vão passar por aqui vários nos próximos tempos.

The Man from Hong Kong faz-me lembrar o Hora de Ponta em termos de argumento, mas em vez de termos um Jackie Chan totalmente trapalhão temos um Jimmy Wang Yu imbatível e pronto a partir para a porrada em todo o lado, seja dentro de uma cozinha de restaurante seja a porta de um quarto de hotel com o seu pijama de dormir.

Realizado por Brian Trenchard-Smith e pelo próprio Yu Wang conta-nos a história de um detective que viaja até a Austrália para ajudar os detectives a desvendar um caso de tráfico de droga, após a morte da personagem principal começa um festival de kung fu a moda antiga,os efeitos sonoros clássicos vistos nos filmes de artes marciais de “antigamente” e as lutas acima da média fazem este filme um must see para todos os fã de filmes de artes marciais. Por todos os momentos e razões o nosso herói está sempre a lutar, e a usar frases simplesmente geniais, guardando ainda tempo para ser galã. Destaque também para o vilão aqui representado por George Lazenby

Um filme de porrada a antiga é sempre a melhor forma de começar mais uma “maratona” não oficial, mesmo que ainda vá a meio de outra não oficial sobre filmes de terror asiáticos.

Nota: 6.5/10

Serbuan maut (akaThe Raid) 2011

Para o meu post 50 trago algo especial, um filme da Indonésia(com co-produção americana), país que vai ficar debaixo de olho para próximos filmes pois encontrei aqui uma excelente alternativa ao cinema europeu e americano.

Realizado por Gareth Evans conta-nos a história de uma equipa da SWAT que vai a um prédio de 30 andares para apanhar um senhor da droga,quando estão dentro do prédio são descobertos. Então os habitantes recebem a ordem para matar todos os policias.

Admito que gosto de filmes de acção e este enche-me as medidas de todas as formas, a história é simples, já as lutas e todas as cenas de acção tem alguns momentos simplesmente geniais que vão ser difíceis de ultrapassar nos próximos tempos.

The Raid volta a por no mapa aquele típico filme de acção que já não se vinha a algum tempo no cinema, aqueles que se definem em “Porrada,Porrada,Porrada”.

Recomendo sem reservas este excelente filme.

http://www.imdb.com/title/tt1899353/

Nota – 8/10