Perfect Blue [1997]

Perfect Blue encaixa-se perfeitamente na minha ideia que os filmes de anime são para adultos[sim até mesmo os do Miyazaki tem mensagens que por vezes duvido que algumas pessoas lá cheguem se não tiverem uma faixa etária mais elevada], e as séries para crianças/jovens. A história é simples Mima deixa o grupo  CHAM, a fim de prosseguir o seu sonho como actriz. Mima começa por fazer papeis mínimos mas aos poucos vai ganhado o seu espaço no mundo do cinema, principalmente depois de fazer uma cena em que é violada. Este filme usa um argumento que já se viu em muitos filmes, a dupla personalidade da personagem principal que nos deixa confusos em saber o que é verdade e mentira, se tudo não passa de uma ilusão ou estamos mesmo a viver a realidade, agarra-nos no principio ao fim e não tem tempos mortos, se não fosse a parte final em que entramos numa cena demasiado irrealista o filme estaria perto de ser perfeito.

Para fãs de thrillers psicológicos e como li por ai de filmes do mestre Alfred Hitchcock, Perfect Blue não desilude.

Nota: 7.5/10

Anúncios

1385 – Hadashi no Gen (aka Barefoot Gen) [1983]

Havia de chegar o dia que um filme de animação havia de chegar ao meu blog, Hadashi no Gen só não chegou mais cedo mesmo por falta de interesse no mesmo.

Ora vejamos obra prima sobre a segunda guerra mundial e os ataques com as bombas atómicas em versão anime já tinha visto “Grave of Fireflies” e pronto chegava-me.

Hadashi no Gen por mais estranho que pareça e anterior ao “Grave of Fireflies” . A história é simples uma família vive em dificuldades por o Japão estar em guerra e posteriormente fica dizimada com o ataque da bomba atómica em Hiroxima, infelizmente este filme tem uma tendência muito infantil, ou seja num momento Gen está a brincar com o irmão Shinji em momentos completamente banais, e de repente está a passear entre corpos dizimados pelas bombas, não separa o momento dramático do cómico o que faz com que o filme não me tenha influenciado muito na parte dramática, e senti até alguma indiferença pelo sofrimento da família de Gen.

Quando cheguei ao fim fiquei mesmo com aquela ideia, quem nunca viu o Grave of Fireflies e capaz de gostar de este filme, quem já viu vai simplesmente esquecê-lo.

Nota – 6.5/10