Le notti del terrore (1981)

InstagramCapture_8cb2d491-2112-45f3-a599-c001d52c88d2.jpg

Jovem já não suportas a histeria a volta da série Walking Dead? ou Fear of Walking Dead? ou Talking Dead? Ou qualquer tipo de relacionamento com Walking Dead só para ganhar dinheiro fácil. Então vira-te para os filmes de zombies italianos. Simples, história mínima, mas acima de tudo violência pura e dura.

Le Notti del Terror (Burial Ground) é mais um filme que tentou ganhar uns trocos, aproveitando o sucesso do Dawn of the Dead do grande George Romero, e pior aproveitando o sucesso do mítico Zombie Flesh Eaters, sim os italianos até se copiam a eles próprios.

Burial Ground tem história (sim podem parar de rir, o filme tem uma história). Um professor estava a fazer uma pesquisa numa vila italiana, logo no inicio descobre um texto que ressuscita os mortos, sem razão aparente decide ir até as catacumbas e ler o texto, assim abre as portas do inferno, ou dos zombies, ou dos canibais, ele próprio não fica a saber pois morre logo no inicio.

burial-ground4-1024x614

Ficamos sem o professor, mas logo de seguida aparece mais carne para os nossos famintos canibais/zombies, um grupo de amigos decide-se juntar na mesma “villa” para um fim de semana, de sol, boa comida e claro sexo. Como o que nos queremos é sangue o filme não demora muito a oferecer isso mesmo.

4828_2

Burial Ground imita descaradamente cenas do filme de Fulci, os zombies parecem saídos da saga dos Blind Dead de Ossorio e a história, é simplesmente banal. Então porque razão devem ver o filme? Tem violência quanto baste, tem um caso de incesto completamente anormal, tem Bianchi a ser Bianchi, temos zombies/canibais inteligentes ao contrario do habitual neste tipo de filmes, tem mortes originais, temos que adorar a morte da empregada, mas para mim a melhor parte é a teoria que se lé por esses sites de reviews, tem o povo vs a burguesia.

Burial Ground fica tão bem na minha estante, e ficara sem dúvida no meu coração, o filme e a personagem Frank. E mesmo que alguém imite o Fulci, eu consigo perdoar, pois vou acreditar que era uma homenagem.

burial-ground-prophecy-text

 

Anúncios

Most Likely to Die [2015]

most_likely_to_die_poster_usa

Esta historia já aconteceu a todos nos, esta a chegar a nossa folga depois de uma semana “dura” de trabalho, estamos ansiosos por ir pela nossa colecçao de blu rays/dvd e escolher um para ver no conforto no nosso lar, mas quando acordas nesse dia estas a morrer com uma doença sazonal e pensas “porra já me estragaram os planos”, começas te a arrastar para fora da cama ate ao sofá, pegas no comando de televisão, nada de jeito na TV. Neste momento lembras-te de todo o teu plano para ver filmes mas a estante parece que está quase do outro lado do mundo, então tens a brilhante ideia “deixa-me ver se há novidades no netflix secção terror”.

Depois de umas três voltas apercebes-te que já viste quase tudo o que ali esta, então salta a vista a capa do Most Likely to Die, lés o resumo do filme “Na noite anterior a uma reunião de dez anos de graduação, alguém está aguardar com ansiedade para se vingar. Um a um, os ex-colegas de turma são assassinados”. Jackpot! pensas tu, um filme no-brainer, slasher não tem que enganar e com sorte ainda vemos umas mamas.

Quando o filme acaba pensas que a tua doença neste momento e o menor dos teus males, o mal do mundo actual e que ainda se perde dinheiro a fazer este tipo de filmes. Eu adoro slashers são provavelmente o meu estilo favorito de terror, sei que e difícil trazer ideias novas para este estilo mais que saturado, eu ate já aceito que a formula seja repetida, o que não aceito e que se façam filmes como este. Personagens sem sal, não há mamas, o twist final provavelmente e a ideia mais estúpida que vi nos últimos tempos,tenta fugir do comum para se tornar ainda mais ridículo. Mas existe alguma coisa que se aproveita neste filme? Claro que sim, os créditos final e o final do nosso sofrimento.

Agora percebe-se o titulo “Most Likely to Die” depois de verem este filme.