[Especial MOTELX 13] Home Sweet Home [2012]

Home-Sweet-Home-KA

Quarta 11 · 16h45
Sala 3

Quinta 12 · 00h15
Sala 3

A minha ante estreia pela edição de este ano do Motel X 13 foi o The Conjuring, mas para falar sobre o Exorcista prefiro falar sobre o primeiro e o original..

Mas vamos falar do filme em questão em este post..

“Frank e Sara mudam-se para o campo para aí educarem o filho de um ano, Adam, longe do caos e poluição da cidade. A apreensão de Sara, e o seu medo por viver numa casa isolada, aumenta quando, uma manhã, vê um estranho junto à sua propriedade. Nessa dia, deixam o filho com a avó para passarem uma noite a dois, algo que não faziam há algum tempo. Mas na sua ausência, um intruso entra-lhe em casa e transforma-a numa verdadeira armadilha. A noite cai lentamente, e com ela inicia-se um verdadeiro pesadelo e um jogo mortal entre caçador e presas.

«Home Sweet Home» é a segunda longa do promissor gaulês, David Morley, que dirigiu anteriormente «Mutants» (2009).”

 Sinopse roubada a descarada do site http://www.motelx.org

Eu estou sempre atrasado em relação as modas dos filmes de terror, os filmes como Paranormal Activity não vi nenhum, os filmes de zombies já não suporto ver pois parecem todos iguais, os filmes sobre invasões domiciliarias só conhecia o “Mother’s Day” que também esteve numa edição do Motel X mas que não se pode considerar um filme totalmente ligado só a esse género.

Home Sweet Home consegue fazer aquilo que muitos filmes de terror fazem facilmente, começa com uns 20 minutos acima da média, onde vamos acompanhado o invasor a explorar a casa das suas vitimas,começa a preparar as suas armadilhas para a caçada final.Durante esse tempo conseguimos entrar na pele das vitimas e imaginar que é um caso mais que real. O problema é que o filme tem 1h20, ou seja se os 20 minutos iniciais são fortes o que resta do filme é simplesmente banal.

Temos o clássico assassino misterioso, silencioso que pesa mais de 300 quilos mas consegue andar num silencio absoluto, e depois temos todos os clichés clássicos de um filme de terror, logo se os “Home Invasion” são todos assim prefiro ficar-me pela ignorância.

O twist final é mais que óbvio só mesmo para os cinéfilos que não esteja habituado a ver filmes de terror pode surpreender. Nem os planos bem conseguidos de Morley conseguem salvar o filme, mas acaba por ser a única razão que posso dar a alguém se quiser ver o filme,principalmente na cena final que está bem acima da média.

A primeira sessão de Motel X aqui por este lado foi um tiro ao lado, agora veremos como correm as restantes.

Nota:4.5/10

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s