1386 – Urban Explorer [2011] – Especial MOTELX

Infelizmente devido a compromissos laborais não vou poder estar presente em quatro dias do motelx, estarei mesmo só presente no último dia onde passarei o dia todo lá numa grande injecção de cinema de terror. Felizmente nada me impede de começar a ver já qualquer coisa que vai lá passar amanhã.. hoje é Urban Explorer amanhã logo se verá.

Um Americano, uma venezuelana, uma Sul Coreana e uma suíça entram num bar.. podia ser assim parecido com uma anedota este filme mas não é bem, mas não foge muito disso.

Ora bem 5 jovens decidem explorar os túneis secretos que Berlim tem na expectativa de chegarem a um bunker nazi com grafites feitas ainda no tempo da segunda guerra mundial.

Como já se está a espera algo mal acontece e o guia acaba por cair no regresso a “casa” e o grupo separa-se. Duas raparigas vão tentar encontrar ajuda, enquanto  Denis(o americano) e a Lúcia(a venezuelana) aguardam por o regresso das amigas, óbvio que do nada aparece um ser humano estranho que lhe promete ajuda.

Estamos perante o clássico slasher tennager movie que para variar não acrescenta nada de novo, alias torna-se mesmo um pouco aborrecido em momentos , porque basicamente o realizador nem se cansa a inovar, toda a gente que tenha visto pelo menos 1/2 filmes com o psicopatas que matam por matar já sabe o que vai acontecer a seguir.

Por vezes chega-se a uma altura que parece que os realizadores/argumentistas nem se cansam a tentar fazer um história, simplesmente metem momentos de sangue e violência gratuita e esperam que alguém goste do filme.

Pode-se considerar um tiro com pólvora seca o meu MotelX caseiro, mas ainda tenho 4 dias para encontrar algo que me vá surpreender.

Nota – 4/10

“Save your batteries”

1385 – Hadashi no Gen (aka Barefoot Gen) [1983]

Havia de chegar o dia que um filme de animação havia de chegar ao meu blog, Hadashi no Gen só não chegou mais cedo mesmo por falta de interesse no mesmo.

Ora vejamos obra prima sobre a segunda guerra mundial e os ataques com as bombas atómicas em versão anime já tinha visto “Grave of Fireflies” e pronto chegava-me.

Hadashi no Gen por mais estranho que pareça e anterior ao “Grave of Fireflies” . A história é simples uma família vive em dificuldades por o Japão estar em guerra e posteriormente fica dizimada com o ataque da bomba atómica em Hiroxima, infelizmente este filme tem uma tendência muito infantil, ou seja num momento Gen está a brincar com o irmão Shinji em momentos completamente banais, e de repente está a passear entre corpos dizimados pelas bombas, não separa o momento dramático do cómico o que faz com que o filme não me tenha influenciado muito na parte dramática, e senti até alguma indiferença pelo sofrimento da família de Gen.

Quando cheguei ao fim fiquei mesmo com aquela ideia, quem nunca viu o Grave of Fireflies e capaz de gostar de este filme, quem já viu vai simplesmente esquecê-lo.

Nota – 6.5/10